Coronavírus: Projeto da DPMG ‘Caminho para o Recomeço’ inicia campanha de arrecadação em Conselheiro Lafaiete

Por Assessoria de Comunicação em 11 de maio de 2020

Projeto social visa oferecer produtos alimentícios e de higiene para famílias vulneráveis do município

Além da doença e das perdas de vidas, a pandemia do novo coronavírus tem abalado e paralisado atividades econômicas, impactando as condições de vida da sociedade, sendo certo que as pessoas em situação de vulnerabilidade tendem a ser mais atingidos pelas consequências diretas e indiretas da pandemia.

Para ajudar a minimizar essa situação, a Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG) está desenvolvendo o projeto “Caminho para o Recomeço” em Conselheiro Lafaiete.

A iniciativa vai auxiliar a subsistência das famílias em situação de vulnerabilidade financeira do município e também das famílias de pessoas encarceradas ou egressas do sistema carcerário.

Para isso, o projeto vai promover a arrecadação de produtos alimentícios e itens de higiene e limpeza para distribuição entre as famílias necessitadas.

São parceiros da ação o presídio local de Conselheiro Lafaiete, a Apac e o projeto social “Rede Família”, realizado pelo Ministério Público em conjunto com diversas entidades beneficentes do município.

Os beneficiários já estão sendo cadastrados, com o apoio do presídio local de Conselheiro Lafaiete e da Apac, que estão identificando e listando as famílias mais necessitadas dos presos e egressos. Também a “Rede Família” está produzindo um cadastro único de demandantes para a distribuição dos donativos.

“Em contato com diversos setores do município, foi possível perceber o considerável aumento de solicitação de cestas básicas e de pessoas em situação degradante em decorrência da falta de recursos materiais”, explica a defensora pública Isabela Salomão Silva (coordenadora da Regional Metalúrgica e local da DPMG), que está à frente do projeto.

Ela destaca que além do auxílio na subsistência, no caso das famílias dos condenados, o projeto “Caminho para o Recomeço” contribui também para a emancipação da vida do crime, afastando a necessidade como determinismo para o caminho tido por transgressor.

“Além disso, contribui para o cumprimento de pena com dignidade, na medida em que o apenado tem conhecimento de que sua família não está em desamparo material”, observa ainda Isabela Salomão.

A campanha de arrecadação dos donativos começa no dia 11 de maio e se estende até 10 de junho.

Os interessados em ajudar devem entregar as doações na sede da Defensoria Pública em Conselheiro Lafaiete, às segundas e quartas-feiras, das 13 às 17 horas. O endereço é Rua José Nicolau de Queiroz 70, 4º andar, Centro. Para contato telefônico, os números são (31) 3762-3847 e (31) 998455-2104.

A entrega dos donativos às famílias será feita à medida que forem sendo arrecadados, com o apoio da Apac. Os itens distribuídos para as famílias cadastradas na “Rede Família” serão entregues em parceria com as instituições envolvidas.

Compartilhar com:
Tags:

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS