DPMG participa de mais uma rodada de negociações do acordo do Rio Doce

Por Assessoria de Comunicação em 22 de março de 2022

A Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG) participou da 7ª rodada das renegociações do acordo sobre os impactos do desastre da barragem de minérios em Mariana, em 2015. As repercussões socioambientais e as questões de saúde pública foram o foco desta rodada. O encontro foi realizado com a mediação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) nas últimas quinta (17) e sexta-feira (18/3).

A defensora pública Carolina Morishita (foto), que atua no Núcleo Estratégico da Defensoria Pública de Proteção aos Vulneráveis em Situação de Crise, representou a DPMG na reunião.

A defensora pública Carolina Morishita durante a audiência – Fotos: Gil Ferreira/Agência CNJ

Participaram também representantes das empresas Samarco Mineração S/A, Vale S/A e BHP Billiton Brasil; e integrantes do Poder Público, como Advocacia-Geral da União, dos governos estaduais de Minas Gerais e do Espírito Santo, do Ministério Público Federal e os dos dois estados, bem como a Defensoria da União e a do Espírito Santo. As tratativas são acompanhadas também pelo Fórum Permanente dos Prefeitos da Bacia do Rio Doce.

A próxima rodada das negociações está prevista para abril, novamente na sede do CNJ, em Brasília.

A defensora pública Carolina Morishita durante a audiência – Fotos: Gil Ferreira/Agência CNJ

Fonte: Ascom / DPMG, com informações do CNJ (22/3/2022)

Compartilhar com:
Tags:

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS