Defensoria atua em prol de melhorias às catadoras de materiais recicláveis em Bom Jesus do Amparo

Por Assessoria de Comunicação em 14 de julho de 2021

A defensora pública Cleide Aparecida Nepomuceno, em atuação na Defensoria Especializada de Direitos Humanos Coletivos e Socioambientais, da Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG), participou de reunião com representantes da Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Nova União (Unicicla).

O encontro, que aconteceu nesta quinta-feira (15/7), debateu as condições de trabalho das catadoras de materiais recicláveis na cidade de Bom Jesus do Amparo. Na ocasião também foi realizada a vistoria no galpão de trabalho.

Ficou acordado que o poder municipal realizará ações imediatas como a instalação de água, banheiros e estrutura, visando principalmente a segurança do local.

Estiveram presentes também a promotora de Justiça Shirley Machado de Oliveira e representantes das secretarias estaduais de Desenvolvimento Social (Sedese) e de Meio Ambiente (Semad/CMRR), representantes dos poderes Executivo e Legislativo municipal e da Rede Sol.

Segundo a defensora pública Cleide Nepomuceno, que acompanha e oferece suporte à Unicicla, a DPMG aguardará que o Município tome as providências acordadas pela melhoria das instalações do local de reciclagem e coletas de lixo.

Condições precárias dos catadores

O problema de falta de estrutura de trabalho das catadores de recicláveis em Bom Jesus do Amparo já é destaque há muito tempo.

Uma reportagem realizada pelo Portal R7, em maio deste ano, ressalta as condições precárias e a infraestrutura comprometida no galpão de trabalho cedido pela Prefeitura do Município.

As denúncias foram feitas para que a Prefeitura tomasse providências cabíveis a fim de garantir a segurança das catadoras, não atingindo diretamente o trabalho e rendimento delas, como destacou o presidente da Unicicla, Anderson Viana.

Compartilhar com:
Tags:

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS