Defensorias de Minas e da União realizam atendimento para moradores da região do Isidoro, em BH

Por Assessoria de Comunicação em 4 de novembro de 2020

A Defensoria Pública de Minas Gerais e a Defensoria Pública da União realizaram atendimento na região do Isidoro (Vila Esperança e Vitória), por meio da Defensoria Itinerante. Pela DPMG, participou da ação a Defensoria Especializada de Direitos Humanos, Coletivos e Socioambientais (DPDH), por meio da Coordenadoria de Projetos, Convênios e Parcerias (CooProC).

O ônibus da DPMG foi utilizado no atendimento

O atendimento itinerante aconteceu nesta terça-feira (3/11) e participaram as defensoras estaduais Cleide Aparecida Nepomuceno, Ana Flávia Oliveira Freitas e Luciana Vieira, além do defensor da União, Estevão Ferreira Couto.

Durante os atendimentos foi apurado que muitas das famílias não puderam se beneficiar do Bolsa Merenda, do Governo Estadual, por não possuírem CEP e por dificuldades em se cadastrarem no programa pela via digital.

O Defensoria Itinerante foi realizado respeitando as medidas de segurança e distanciamento vigentes

Também foi verificado que a maioria das famílias da Ocupação Esperança e Vitória, em Belo Horizonte, não tiveram acesso às cestas básicas oferecidas pelo município. Muitos moradores reclamaram, ainda, da falta de água e de luz. Houve grande procura por orientações e dúvidas sobre o Auxílio Emergencial do Governo Federal.

No total, foram feitos cerca de 60 atendimentos. A Defensoria Estadual entrará em contato com os órgãos municipais e estaduais responsáveis pelos programas assistenciais, Cemig e Copasa, para buscar uma solução administrativa que garanta o acesso dos moradores do Isidoro. Os atendimentos relacionados ao Auxílio Emergencial foram realizados pela Defensoria Pública da União.

Compartilhar com:
Tags:

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS