Defensoria de Minas é finalista em duas categorias do Prêmio Inovação: Judiciário Exponencial

Por Assessoria de Comunicação em 27 de setembro de 2021

A Defensoria Pública de Minas Gerais é finalista do Prêmio Inovação: Judiciário Exponencial, nas categorias Liderança Exponencial e Executivo de TI Inovador. A iniciativa acontece durante a 5ª edição do Congresso de Direito, Tecnologia e Inovação para o ecossistema de Justiça (Expojud), entre os dias 5 e 7 de outubro.

O subdefensor público-geral, Nikolas Stefany de Macêdo Katopodis, foi indicado na categoria ‘Liderança Exponencial’, segmento Advocacia Pública, que reconhece líderes com atitudes empreendedoras dentro das instituições.

O superintendente de Tecnologia da Informação, Flávio Júlio Alves Silva, concorre na categoria ‘Executivo de TI Inovador’, que pretende reconhecer os líderes executivos de tecnologias que apoiaram e estimularam a mudança de mindset para inovação e implementaram relevantes projetos de tecnologia, contribuindo para evolução e transformação do sistema de justiça.

Prêmio Inovação

O prêmio busca reconhecer e incentivar projetos inovadores de tecnologia, gestão e novas metodologias no âmbito do Ecossistema de Justiça, assim como soluções criadas para o enfrentamento da pandemia de Covid-19, reconhecendo e promovendo os líderes que se destacam pelo perfil empreendedor em suas instituições, e os executivos de TI, a fim de enfatizar e repercutir as iniciativas relacionadas à melhoria dos serviços prestados em benefício da sociedade.

Para o subdefensor-geral, Nikolas Katopodis, é muito gratificante estar entre os finalistas na categoria que pretende reconhecer a inovação e a prática de atitudes empreendedoras relacionadas à melhoria dos serviços prestados em benefício da sociedade. “Significa que as ações estratégicas, de inovação tecnológica e de planejamento institucional estão no caminho certo na construção de uma DPMG cada dia melhor para nossas assistidas e assistidos”, completou.

Para Flávio Alves, o desafio imposto pela pandemia da Covid-19, em 2020, acelerou o processo de transformação da DPMG do ponto de vista digital e o reconhecimento nacional é muito importante, tendo em vista os esforços que a DPMG tem concentrado para a remodelação de sua estrutura interna de redes e arquivos, buscando soluções inovadoras, que agreguem segurança, visão estratégica de investimentos e novas ferramentas que ampliem o acesso aos serviços.

“As funcionalidades e projetos, além de aproximar a Instituição de seus assistidos, facilitam o acesso aos serviços, com segurança e já com as adaptações necessárias para atendimento à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD)”, complementou o superintendente.

O Prêmio de Inovação é uma iniciativa do Judiciário Exponencial com apoio do Instituto de Administração da Universidade de São Paulo. Para votar em um dos finalistas, é necessário que as pessoas estejam inscritas no Expojud. As inscrições são pelo site: www.Expojud.com

Congresso

A 5ª edição do Congresso de Direito, Tecnologia e Inovação para o ecossistema de Justiça (Expojud) é online, gratuito, e acontece de 5 a 7 de outubro.

Durante a programação, especialistas abordarão novas técnicas e ferramentas que podem ser aplicadas às instituições de Justiça e como é possível transformar hábitos e rotinas. Dentre eles, estão Conrado Schlochauer, Dora Kaufman, Gil Giardelli e Tiago Mattos.

As palestras acontecerão sempre das 8h30 às 18h. A inscrição no 5ª Edição do Congresso de Inovação, Tecnologia e Direito para o Ecossistema de Justiça pode ser realizada em https://www.expojud.com/. Mais informações podem ser obtidas em contato@judiciarioexponencial.com.

Com informações do organizador

Compartilhar com:
Tags:

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS