Defensoria Pública de Minas Gerais participa de homenagem da ALMG a policiais militares

Por Assessoria de Comunicação em 2 de outubro de 2020

A Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG) foi representada pela assessora institucional, defensora pública Letícia Fonseca Cunha, na reunião da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), realizada nesta sexta-feira (2/10), para homenagear os cabos da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), Viviane Cataria Pinto e Edson Geraldo da Silva Júnior; e a 2º-sargento PM Marcilaine Rodrigues da Silva do Carmo.

Em fevereiro deste ano, os três protagonizaram eventos que chamaram a atenção da sociedade, uma vez que extrapolaram as funções de um policial militar.

Presidente da Comissão de Segurança Pública, deputado Sargento Rodrigues; cabos PM Edson Geraldo da Silva Júnior e Viviane Catarina Maria Pinto; chefe do Estado-Maior da PMMG, coronel Eduardo Felisberto Alves; e a assessora institucional da DPMG, Letícia Fonseca Cunha

Crédito fotos: Sarah Torres/ALMG

Viviane e Edson realizaram um parto de emergência, dentro da base policial da Estação Diamante (região do Barreiro, em Belo Horizonte). Marcilaine amamentou um bebê de três meses, que chorava de fome dentro da Delegacia de Mulheres do bairro Barro Preto, enquanto sua mãe era atendida, vítima de violência doméstica.

As homenagens foram requeridas pelo presidente da Comissão de Segurança Pública, deputado Sargento Rodrigues, por “demonstrarem o profissionalismo e o espírito da corporação em servir e proteger a população mineira”.

Durante a homenagem, o parlamentar destacou que as ações demonstram a beleza e a importância da Polícia Militar de Minas Gerais. “Quando a PM erra uma vez, ela já acertou milhares de vezes num só dia, nos cantos mais remotos do estado, e isso nem sempre é reconhecido. Às vezes só o erro aparece”, afirmou o deputado Sargento Rodrigues ao enfatizar o valor das congratulações.

A defensora pública Letícia Fonseca fez a entrega da homenagem à 2º-sargento PM Marcilaine Rodrigues, junto com o deputado Sargento Rodrigues

A militar Marcilaine do Carmo declarou que jamais esperava que sua atitude naquele dia, para aliviar o fardo daquela mãe, fosse gerar tanta repercussão.

A cabo PM Viviane Pinto afirmou que trabalho do militar é árduo, mas muito gratificante. O colega que a ajudou no parto, cabo Édson Geraldo da Silva, reafirmou seu orgulho em pertencer à Polícia Militar e também sua intenção de ser exemplo para as duas filhas pequenas que ele tem.

A defensora pública Letícia Fonseca Cunha enalteceu o trabalho dos policiais. “As ações deles mostram o valor da empatia, o quanto é importante compreender o sentimento e as necessidades do outro, como fizeram os cabos Viviane e Edson, ao prestar socorro na hora do parto, e a sargento Marcilaine, ao amamentar a criança de outra mãe em um momento delicado e de emergência”, disse.

Letícia Cunha destacou também a parceria da Polícia Militar e da Assembleia Legislativa no atendimento das causas dos assistidos da Defensoria Pública de Minas.

Na entrega das homenagens, tanto os deputados Sargento Rodrigues e João Leite, quanto o chefe do Estado-Maior da Polícia Militar de Minas Gerais, coronel Eduardo Felisberto Alves, fizeram questão de destacar a importância dos policiais para a sociedade, na essência do trabalho militar de servir e proteger a população.

A reunião foi realizada de forma remota em razão da epidemia de Covid-19 causada pelo coronavírus, com a presença de poucos convidados.

Fonte: Ascom/DPMG, com informações da ALMG (2/10/2020)

Compartilhar com:
Tags:

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS