DPMG e ANS firmam convênio para intercâmbio de informações e agilizar solução de conflitos envolvendo planos de saúde

Por Assessoria de Comunicação em 16 de dezembro de 2020

A Defensoria Pública de Minas Gerais e a Agência Nacional de Saúde Suplementar firmaram Termo de Cooperação Técnica para estreitar o relacionamento interinstitucional, oportunizando o fornecimento e o intercâmbio de informações relacionadas à regulação do mercado de assistência suplementar à saúde.

O objetivo do TCT é identificar os problemas do mercado de saúde suplementar em Minas Gerais, respeitadas as prerrogativas e atribuições legais e observadas as regras de sigilo constantes da legislação aplicável.

A Defensoria Pública de Minas, em virtude da disparidade de informação ainda hoje existente no mercado de saúde suplementar, com a assinatura do TCT passará a contar com ferramentas e informações técnicas da área da saúde suplementar, a fim de melhor orientar aqueles que procuram seu atendimento.

De acordo com o defensor público, coordenador da Defensoria Especializada do Consumidor, Daniel Firmato, o TCT tem como finalidade a melhoria da atividade regulatória pela ANS e a redução das demandas judicias relacionadas à saúde suplementar.

Na prática, a cooperação vai garantir mais subsídios para que a Defensoria busque a solução extrajudicial das demandas envolvendo planos de saúde privados, permitindo celeridade na solução em favor dos seus assistidos.

“Com isso, fica garantido o estabelecimento de medidas que possibilitem o intercâmbio de dados e de informações de interesse recíproco dos partícipes, a proteção e da defesa dos direitos do consumidor de planos privados de assistência à saúde e o estímulo à resolução de conflitos de forma amigável”, afirma Daniel Firmato.

Cristiane Silva/Jornalista DPMG

Compartilhar com:
Tags:

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS